Gols marcados:

- 01/12/2009 a 31/12/2009
- 01/10/2009 a 31/10/2009
- 01/09/2009 a 30/09/2009
- 01/05/2007 a 31/05/2007
- 01/03/2007 a 31/03/2007
- 01/01/2007 a 31/01/2007
- 01/12/2006 a 31/12/2006
- 01/11/2006 a 30/11/2006
- 01/10/2006 a 31/10/2006
- 01/09/2006 a 30/09/2006
- 01/08/2006 a 31/08/2006
- 01/07/2006 a 31/07/2006
- 01/06/2006 a 30/06/2006
- 01/12/2005 a 31/12/2005
- 01/11/2005 a 30/11/2005
- 01/10/2005 a 31/10/2005
- 01/09/2005 a 30/09/2005
- 01/08/2005 a 31/08/2005
- 01/07/2005 a 31/07/2005
- 01/06/2005 a 30/06/2005
- 01/05/2005 a 31/05/2005
- 01/04/2005 a 30/04/2005
- 01/02/2005 a 28/02/2005
- 01/01/2005 a 31/01/2005
- 01/12/2004 a 31/12/2004
- 01/11/2004 a 30/11/2004
- 01/10/2004 a 31/10/2004
- 01/09/2004 a 30/09/2004
- 01/08/2004 a 31/08/2004
- 01/07/2004 a 31/07/2004
- 01/06/2004 a 30/06/2004
- 01/05/2004 a 31/05/2004
- 01/04/2004 a 30/04/2004
- 01/03/2004 a 31/03/2004
- 01/02/2004 a 29/02/2004
- 01/01/2004 a 31/01/2004


O que é isto?


Blogs e sites que visito:

- S.C. INTERNACIONAL
- E.C. Novo Hamburgo
- Torcida Brasileira
- Lifelines
- Popular do Inter
- Ultracolorado
- O 8 é sagrado, o 8 é imortal...
- Blog Vermelho
- Lokolorado
- Tribuna Colorada
- Portão 8
- Blog Colorado
- Bardock Colorado
- CALI
- Fronteira Colorada
- Blog dos Colorados
- Inter Multimídia
- O Grito
- Alvi Rubro
- Eu Sou Vitória
- Maiores Clássicos
- Rei dos Pampas
- Eu sou Ma.Ca.Co
- Malas do Esporte
- Fanático EC
- Papo de Bola
- Cyres Futebol and Business
- Futebol Acima de Tudo
- Língua Tricolor
- Drible



Indique esse Blog


BlogRating

Dá-lhe Inter!!!





Torcida e clube de Várzea

Até quando esses marginais do gaymio ficarão impunes? O que ocorreu hoje no Beira Rio foi uma VERGONHA e uma tremenda COVARDIA!
O que eu ouvi no rádio:
- Torcedores gaymistas quebraram o refeitório das categorias de base do Inter, tentaram atear fogo no Galpão Crioulo e tentaram destruir o relógio do centenário colorado.
O que eu vi pela televisão:
- Torcida gaymista invade a social do Inter(composta em sua grande maioria por famílias, crianças e idosos) e tenta agredir covardemente os torcedores colorados.
- Não satisfeitos com a quebradeira dos banheiros na final do gauchão, os gaymistas jogaram os banheiros químicos na coréia e colocaram fogo causando a paralisação do jogo. Pior, quando os bombeiros chegaram para apagar o grande incêndio, torcedores gaymistas atiraram pedras nos bombeiros que tiveram que ser protegidos pelos escudos dos brigadianos. Que covardia!

Sabe-se lá que barbaridades ocorreram na rua após a saída da torcida.

Até quando?

Está na hora das autoridades, CBF, STJD, Secretaria de Segurança do RS, punir de forma severa esses bandidos e igualmente punir o clube da azenha. Espero que a imprensa ajude e repercuta bastante os atos de selvageria que vimos hoje, porém, como conhecimento e não com asneiras como já andei lendo em matérias que dizem que a briga foi "entre torcidas", quando vimos que a baderna foi toda causada exclusivamente pela torcida do gaymio. No programa esportivo da Gazeta falaram que o Inter colocou banheiros químicos pois no Beira Rio não há banheiros suficientes para a torcida visitante. Pera lá, quanta bobagem! A imprensa deve sim alimentar esse assunto mas com sabedoria e insistência para que os VERDADEIROS culpados sejam punidos.
Chegamos em um ponto onde a escolha deve ser feita: Punição exemplar ou tragédia iminente.
A escolha está nas mãos das autoridades (in)competentes.

Vídeos dos incidentes:

Sportv

RBS/Globo



- Postado por: Grindcrust às 23h21
[ ]

______________________________________________




É hora de ir aonde ninguém foi

Há quase 30 anos, olhamos apenas para trás. Vemos a cabeça de Dom Elias ser tocada por uma centelha divina e nos dar o Brasil. Invejamos a doce morte do colorado que deixou o corpo na social do Gigante, eufórico e confuso, sem entender como Escurinho e Falcão colocaram por terra as leis da física, contra o Atlético Mineiro. Depois, sarcásticos, acompanhamos o cortejo fúnebre dos corintianos indo se afogar no Tietê, assim que Valdomiro lhes ensinou o que era um verdadeiro paulistão.

Ainda com o pescoço virado, enxergamos palmeirenses cabisbaixos, deixando o Morumbi e tocando fogo em jornais que levantavam a estúpida dúvida sobre quem era o melhor entre Mococa e o futuro Rei de Roma. Embasbacados com a mais estupenda atuação de um camisa 5 na história do futebol. Saudosos, assistimos à Velha Raposa de pé na casamata, aplaudindo o príncipe Jair por ter quebrado a espinha de Leão e colocado a terceira estrela no manto vermelho. Junto, o exclusivo ramo de louros. O ramo verde da esperança. A esperança em tempos ainda melhores. De alegrias e conquistas inimagináveis. Do melhor time do mundo da segunda metade da década de 70.

Mas as glórias almejadas nunca vieram. O ramo foi suprimido. Em seu lugar, patrocínios. Uma quarta estrela nasceu, com a sina de ter seu brilho eternamente ofuscado. A ponto de receber olhares que beiram o asco, como se fosse melhor nunca ter brotado. Assim, há quase 30 anos, olhamos apenas para trás. Agora, temos de virar a cabeça para frente.

É hora de ir aonde ninguém foi.

Quando Rafael Sóbis balançou dois equatorianos e soltou a patada de direita, um novo ramo verde se encravou do lado esquerdo do peito de metade do Rio Grande Sul. O grito de gol que estremeceu o Menino Deus fez ondas no Guaíba e mareou os olhos de 40 mil apaixonados. Como o bel-canto, que emociona e regozija, a enlouquecida sinfonia alvi-rubra empurrou aquele time para um dos melhores segundos-tempos do clube quase centenário. Só uma torcida no mundo conseguiria produzir arte sem instrumentos, valendo-se apenas da batida do coração. O Amor inveja o concreto do Beira-Rio.

O sentimento que nasce por trás do S, do C e do I entrelaçados deveria ser catalogado como
doença perigosa e incurável. Contagiados desde o berço, nesse exato momento, vivemos uma crise. Assustadoramente aguda. Sem precedentes. Nunca o povo do Clube do Povo esteve tão imbuído, tão concentrado. E é disso que precisamos. Daqui para frente, cada vez mais. Dia a dia. É hora de ir aonde ninguém foi.

Nada é relevante até a quinta-feira da próxima semana. Olhe para o lado. O mundo está parado.Note como o relógio travou. Seus problemas são irrelevantes. Sua mãe é irrelevante. Sua existência é irrelevante! A vida é uma camisa vermelha. Nada mais. É hora de ir aonde ninguém foi.

Antes de dormir, não reze, nem peça nada. Apenas feche os olhos. Imagine o Beira-Rio. Olhe emsua volta. 70 mil irmãos em pé. No setor sul, barras tremulam. Cabeças sobem e descem. Mãos em riste, mandando gremistas tomarem aonde eles gostam. Aparece a Academia do Povo. Brincando de Deus, a Camisa 12 cria uma nebulosa que tapa o gramado. O Inter é uma força da natureza. O jogo
começa. Partida tensa. Feia. Dura. A cada carrinhaço, você pula como se fosse o título
mundial. Intervalo. 0 a 0. Chove. As pernas cansam. Você não esmorece. Somos colorados, gaúchos e peleadores.

O jogo recomeça. O juiz erra. Estamos com um a menos. A voz acaba. Mas somos todos teus seguidores, lembra? Nada vai nos separar! Você continua empurrando com a alma. 45min. Perdigão lança. Sóbis dribla e cai. Falta. Na risca da área. O mundo está em silêncio. Viver não é preciso. Jorge Wagner é preciso. O grito de gol ergue o Gigante aos céus. A explosão ensurdece a América. Você abraça quem está do lado. Não importa quem é. Estará com uma camisa vermelha e terá dado a vida pelo time que você ama. Ajoelhado no concreto sagrado, você chora. O choro de desabafo que segura desde que escolheu o Internacional como estilo de vida. Você não deve mais nada para ninguém. 

Você nunca foi nem nunca será menor do que ninguém.

Acreditem, esse é o nosso destino. A responsabilidade é nossa. Só nossa. É hora de fazer
história.

É hora de ir aonde ninguém foi

Emanuel Neves.



- Postado por: Grindcrust às 10h40
[ ]

______________________________________________




Inter na Semifinal!!!

Terminou o jogo e uma vez mais fui tomado por aquela gostosa sensação do prazer de ser colorado. Alívio, alegria, emoção e orgulho. Como é bom ser torcedor desse time, especialmente quando a equipe joga com tanta dedicação e raça como foi no jogo de ontem contra a Seleção do Equador. Cada jogador sabendo que a partida é fundamental e dividindo todas as bolas com uma uma gana incomum. Ao que parece, as últimas participações na Copa Sulamericana moldaram o time para encarar de frente a Libertadores da América. É assim que a gente gosta de ver o clube do povo jogando.

A partida começou em ritmo lento com a LDU claramente jogando pelo empate e o Inter com grandes dificuldades para atacar, sendo algumas vezes envolvido pelo bom toque de bola do meio campo equatoriano. Fabinho, Eller e Edinho estavam nervosos e Elder granja parecia estar sem ritmo de jogo. Primeiro tempo sem grandes emoções mas com a tensão elevada para o torcedor que pensava que agora restaríam apenas 45 minutos para o gol. Na segunda etapa o Inter foi pra cima e amassou a LDU até sair o golaço do Sóbis aos 6 minutos. GOOOOL! CHUPA FILHA DA PUTA! Eu não sei vocês, mas eu só consigo berrar essas coisas após os gols do Internacional. Depois disso o Inter criou pelo menos 3 claras situações para ampliar mas a bola teimosa insistia em ir para fora. Faltava o talismã colorado entrar em campo. Quando Renteria fez mais um dos seus gols impossíveis eu novamente xinguei a mãe de todos equatorianos por pelo menos 2 gerações. Meus olhos marejaram. Outro golaço do Saci tipo Colômbia. Inter classificado? Quase, aos 48 minutos do segundo tempo aquela falta (nem gosto de pensar que aquilo quase foi pênalti) e Clemer salva o único chute a gol da LDU em todo o jogo. Não, o Inter não levaria gol na noite de ontem. Partida quase perfeita e classificação no assegurada.

A cabeça viaja, imagina o título no Beira Rio lotado, cria imagens magníficas do Edinho levantando na bota o Ronaldinho Dentuço e do Renteria marcando golaçõs em Yokohama. Mas calma, ainda tem muita coisa, tem o Libertad e tem os dois jogos das finais. Um passo de cada vez...ou três se for tipo Rogério Ceni defendendo pênalti.

E para os secadores ficou mais fácil pois é só pedir pra um sacoleiro trazer a camisa do Libertad. Da LDU era mais difícil de conseguir.

Ah sim, alguém ainda lembra da derrota para o Juventude? Pois é, ponto pra comissão técnica.

Olha os gols aí com narração da FOX em espanhol. Créditos para o Louis que sempre coloca altos vídeos no seu blog.



- Postado por: Grindcrust às 13h29
[ ]

______________________________________________




Estou sofrendo com a abstinência de futebol. Uma semana de férias e nada de ver a bola rolando. Na chegada do avião em Pernambuco o comandante da aeronave comunicou: "senhoras e senhores, a Itália sagrou-se campeã". Bah, aplausos e até gritos histéricos de alguns passageiros. Grande coisa, eu estava torcendo para a França nessa final.
Lembram daquele sujeito que estava com a camisa do Inter no jogo da SEGUNDONA entre gaymio e Náutico? Pois é, conheci a figura lá em Porto de Galinhas. O cara tem uma churrascaria com o óbvio nome de Churrascaria do Gaúcho e me disse que foi torcer pelos gays por ser gaúcho e tal e insistiu em dizer que é colorado de verdade e que até tem um filho que joga no Inter. Discordei, claro. Torcer pros gazelas é aberração e nenhum colorado de verdade faz isso. Mas o pior mesmo é que churrasquinho dele é muito ruim heinhoooooo Batista!?!? Puta merda! Comendo aquela picanha de bode me bateu uma saudade do Rio Grande que nem te conto!
Cheguei em casa ontem e o jogo contra o Juventude estava no finalzinho e quando vi que era o time reserva eu nem liguei pra derrota. Foda-se, o negócio agora é Libertadores e o jogo contra a seleção do Equador. Dá-lhe Inter, porra!

* Clap! Clap! Clap! Na itália os grandes clubes envolvidos em falcatruas foram punidos e rebaixados para a segundona. Lá, a máfia do apito e o conxavo com os clubes foi comprovada e mesmo assim nenhum jogo foi anulado. Quanta diferença...cada vez mais fica escancarada a palhaçada armada pela CBF e pelo STJD no brasileirão do ano passado.

* Falando em Brasileirão 2005, vejam só a classificação final mostrada como sendo a oficial pelo conceituado site de resultados Soccer Terminal.



- Postado por: Grindcrust às 23h52
[ ]

______________________________________________




Acabou!!!!

Teoricamente a Copa do Mundo de Futebol deveria reunir os melhores jogadores do planeta e com base nessa teoria eu devo concluir que o futebol está morrendo e os craques desaparecendo. Hoje está acabando a Copa dos sem craque. A Copa do mundo da Alemanha foi um tremendo engodo do futebol técnico e refinado. Bom, ainda falta a partida final e se o Zidane arrebentar com o jogo e marcar uns 3 gols, aí sim ele poderá ser considerado o craque da Copa, porque convenhamos, o cara ser eleito o craque da Copa devido um joguinho contra o Brasil onde ele não teve nehuma marcação e mesmo assim nem gol fez? É muito pouco para o orgulho do esporte mais popular do mundo.

- E o grande Felipão levou três buchas da Alemanha que merecidamente levou a medalha de 3º colocado. Será que agora o Big Phil vai reclamar da arbitragem ou pela primeira vez na vida vai dar os méritos para o adversário?

- Não assistirei a final da Copa pois esterei dentro de um avião da tAM no exato momento. Uma semana de férias. Volto dia 17. Até lá.

- E DEPOIS SERÁ SÓ S.C. INTERNACIONAL, PORRA!



- Postado por: Grindcrust às 10h14
[ ]

______________________________________________




Pode enrolar a bandeira

Retificando o post anterior: Sim, novamente chamaram de palhaço o torcedor brasileiro. Sim, novamente a seleção não jogou nada e entregou o jogo. Sim, novamente a seleção amarelou e definitivamente vestiu a touca azul, vermelha e branca. 
Todos sabem que estou torcendo para a Alemanha e por conta disso acompanhei sem emoção os primeiros jogos da seleção brasileira. Porém, ontem era contra a França, a touca, e eu torci belo Brasil pois desejava uma final contra a Alemanha. Azar meu. Consegui apenas ser tomado por uma tremenda indignação diante da apatia canarinho. Perder, tudo bem, mas perder jogando sem raçae sem luta é pra indignar o vivente. Após o jogo, eu usei a velha tática e pensei em CBF, Ricardo Teixeira, CBF, Globo, brasileirão 2005, CBF e pronto, a indignação já havia me abandonado e um estranho sentimento de vingança me fez dar boas risadas, principalmente vendo a entrevista pós jogo do Parreira.
Tem tanta coisa errada na seleção, algumas óbvias e transparentes e outras tantas que permanecem obscuras e que apenas nos dão brechas para suposições. Diante das minhas convicções e em um exercício de ficção,citarei os culpados pelo fiasco e conseqüente perda do hexacampeonato:

- Parreira - Treinador que não tem comando sobre o grupo, aceita pressões externas e internas, escala mal, mexe pior ainda e nas entrevistas demonstra não saber porque perdeu. Patético.

- Zagallo - Coordenador técnico? Ele coordenou alguma coisa nessa seleção? Se coordenou o fez muito mal e se não coordenou, então o que ele estava fazendo lá?

- Jogadores - Principais culpados. Seleção de estrelinhas. Analisarei a seguir.


- CBF - A mãe de tudo isso aí e atende pelo nome de Ricardo Teixeira. Muito mais preocupada em encher seus cofres do que levantar canecos. Firmou acordos nebulosos com Nike e Globo, transferindo poderes para estes e acabou comprometendo o trabalho da seleção brasileira. Só marcou amistosos contra seleções ridículas com medo que a farsa fosse descoberta antes do início da Copa, isto é, ficou com medo de expor os defeitos da seleção e da comissão técnica.

- Imprensa esportiva - Capitaneada pela poderosa Globo, conseguiu disseminar entre a população a ilusão de que o Hexa seria conquistado com facilidade, que o Brasil atropelaria os adversários e que o tal quadrado mágico seria elevado ao nível de nova maravilha do mundo. Hoje todos criticam mas antes do início da Copa ninguém clamava pela saída de Cafu e Roberto carlos, ninguém tocava no assunto Ronaldo e seus kilos a mais antes do jogo contra a Croácia e por aí vai. Ah sim, a única falha dessa seleção era a zaga ruim e o goleiro que não inspirava confiança. Sabem tudo de futebol, não? A Globo, quando lhe convém, faz pressão em todos os sentidos como aquela da convocação do Romário em 2002. Esse ano, diante dos contratos firmados, ficou na boa com exclusividade quase total, Fátima Bernardes ao vivo com os jogadores, parreira no Jornal nacional, vídeo conferência com Lula, enfim.

Zidane - Um dos grandes culpados. Eu, diante das atuações dele no Real Madrid e nos primeiros 2 jogos da Copa, pensei que era mais um jogadorzinho em final de carreira...mas ele demonstrou que ainda esbanja qualidade técnica e liderou a humilhação sobre a seleção brasileira. O cara já joga muito, imagine então se não tiver ninguém marcando ele?

Análise individual:

Dida - Ótimo. Não cometeu falhas e levou dois gols em bolas indefensáveis.

Cafu - Ah, a era Cafu. Um dos medalhões que fez pressão para jogar quando viu que sua posição estava ameaçada por um jogador mais jovem. Ridículo.

Cicinho - Boa atuação contra o Japão e contra a França fez em poucos minutos mais do que o Cafu na Copa inteira. O problema é que precisa de cobertura especial pois é falho na marcação.

Lúcio - O melhor e mais regular jogador da seleção. Lúcio e + 10!

Juan - Não comprometeu em nenhum jogo e foi um grande zagueiro ao lado de Lúcio.

Roberto Carlos - Fanfarrão, nojento e exibicionista. Foi a cara dessa seleção no mundial. Espero que ele tenha vergonha na cara e explique o que estava fazendo abaixado no momento do gol da França.

Gilberto - Jogou bem contra o Japão e fez um gol. Esse foi o seu erro pois sua atuação despertou o ciúmes de Roberto carlos que foi reclamar com Parreira e exigir sua escalação.

Émerson - Limitado mas firme na marcação.

Gilberto Silva - Segue a mesma linha do Émerson mas foi incapaz no jogo contra a França.

Zé Roberto - Jogou de forma regular todo os jogos mas foi apático contra a França e sucumbiu.

Kaká - Fez um gol contra a Croácia e só. No restante dos jogos ele correu, correu, correu e não fez absolutamente nada.

Juninho - Jogou bem contra a fraca seleção do Japão e ontem foi uma tremenda decepção. Amarelou na hora decisiva.

Ronaldinho - O que dizer? Ronaldinho foi ridículo. Em uma copa onde as estrelas fracassaram, ele foi a maior decepção disparado. O cara não jogou bem um jogo sequer. Ao final da partida de ontem ele deveria pegar aquele troféu de melhor jogador do mundo e entregar pro Zidane, só de vergonha.

Ronaldo - Fez três gols, bateu um recorde lá e tal...mas e daí? Não jogou absolutamente nada e conseguiu a proeza de chegar fora de forma em uma copa do mundo. O que é isso? Que comprometimento tem um jogador desses com sua seleção? Ronaldo foi um verdadeiro fiasco. E se cuida Ronaldo, porque o Klose, vejam bem, o Klose já tem 10 gols em Copas do Mundo.

Adriano - O imperador? Onde? Quando? Esqueceu o futebol lá na Copa das Confederações.

Robinho - Entrava e mudava a cara da partida mas ainda tem muito que aprender. Não sabe finalizar e não é goleador, duas qualidades essenciais para um atacante.

Fred - Cometeu um pecado. Ficou 3 minutos em campo contra a Austrália e fez um gol. Parreira não gostou e não o colocou mais para jogar.

Então torcedor brasileiro, Copa do Mundo agora só em 2010 na África do Sul.



- Postado por: Grindcrust às 18h59
[ ]

______________________________________________